segunda-feira, maio 31, 2010

Academistas conquistam título juvenil


Mangualde - Académico Viseu 2:2
Golos Mangualde: Nuno (36 e 77 min)
Golos Académico Viseu: Oliveira (75, 80+2 min)

Mangualde: Sérgio, João Marcelo, Bruno, Jaison, Tiago, Henrique, Rúben, Nuno (Manekas, 70 min), Joel, Correia (Leandro, 61 min) e Hugo.
Suplentes não utilizados: Tiago, Luis, Márcio, Rui e Ricardo.
Treinador: Cláudio Amaral.
Académico de Viseu: Renato, Luis Pedro, Nuno, Oliveira, Paulo Renato, Dani (Tiago Almeida, 73 min), Micael (Rui Sérgio, intervalo), Mauro, Zé Henrique, Zé Pedro (Ricardo, 59 min) e Diogo Pereira.
Suplentes não utilizados: Pedro Martins, Alex, Rui Loureiro e Márcio.
Treinador: Pipo, Nuno Gualter e Filipe Pipo.
Cartões amarelos: Correia (46 min), Oliveira (50 min), Rúben (52 min) e Tiago (68 min).
Árbitro: Luis Gomes, Auxiliares: José Soares e Gonçalo Ferreira.

Este era uma jornada final do escalão de Juvenis, pois o título ainda estava inteiramente em jogo, sendo o Académico de Viseu e o Viseu e Benfica as duas equipas na procura de tal intento.
O primeiro lance de algum perigo aconteria aos 5 minutos quando Diogo Pereira centra bem e Zé Henrique cabeceia para defesa atenta de Sérgio. O Mangualde mais tranquilo foi equilibrando a partida e aos 19 minutos Nuno marca bem o canto do lado direito do seu ataque e obriga Renato a boa defesa.
Era a equipa local mais adaptada ao terreno do jogo que tinha mais posse de bola e aos 27 minutos Jaison num livre obriga o guarda-redes academista a boa defesa.
Os academistas não conseguiam criar lances de perigo e deixavam os mangualdenses partir para o ataque rapidamente e seria assim que viriam a ter um livre muito perigoso do qual resultaria o primeiro golo da partida. Na marcação do mesmo Nuno remata colocado e bate Renato.
Chegava-se ao intervalo com uma vantagem mangualdense que soube adaptar-se melhor ao terreno e à melhor forma de jogar nele e com um jogo directo conseguiu criar lances de perigo.
Os academistas entraram na segunda parte à procura de golos mas o nervosismo era um inimigo para o seu futebol e o Mangualde atento a isso colocava sempre entraves, lançando rápidos contra-ataques onde Hugo era a flecha para a baliza academista.
Aos poucos os academistas foram adaptando o seu jogo, tornando o mais directo e assim conseguiram empurrar a turma mangualdense para terrenos mais atrasados e aos 69 minutos Rui Sérgio marca bem o livre e primeiro Oliveira e depois Dani não conseguem dar o melhor seguimento ao mesmo.
O empate viria a surgir aos 75 minutos quando após um livre de Mauro a bola chega a Oliveira que sobe mais alto e leva a bola a anichar-se nas redes mangualdenses.
A festa fazia-se do lado dos adeptos academistas que viria a ser atenuada com novo golo dos mangualdenses quando após um bom lance de equipa a bola chega a Nuno que desfere um remata forte e colocado e bate o guarda-redes academista.
A festa desta vez fazia-se a favor dos locais e no minuto 78 Tiago Almeida aparece solto nas costas da defensiva local, mas perante Sérgio não consegue o golo.
Entrava-se nos 4 minutos de compensação dados pelo trio de arbitragem e os academistas sabiam que este resultado não lhes dava o acesso aos Nacionais. Desta forma em novo livre Mauro marca bem para o interior da área e a defensiva mangualdense falha na marcação e deixa Oliveira com espaço para bisar e assim dar novo alento aos academistas que desta forma tinham o título na mão.
Era um período louco e os mangualdenses partiram novamente para o ataque e ficariam perto de marcar quando a bola chega a Joel que em boa posição remata bem mas Renato com uma enorme defesa segura o título para os academistas.
Segundos depois a festa viria a ser confirmada com o apito final e os academistas partiram para uma festa merecida.
Este trio de arbitragem realizou uma exibição que merece destaque e conseguiu levar o seu trabalho para bom porto, onde só num lance de fora de jogo é que errou. Desta forma uma exibição implacável!

Outros resultados:
No outro jogo os viseenses sabendo que só uma vitória lhes poderia dar o título tudo fizeram para o obter e assim viria mesmo a consegui-lo com uma vitória por 2:0

Clube

J

V

E

D

GM

GS

Pontos

Académico Viseu632112711
Viseu Benfica63129710
Oliveira Frades62137117
Mangualde612310135

3 comentários:

Raul disse...

O Ac. viseu ao utilizar o atleta Zé Henriques abriu uma discussão em torno da utilização de um atleta em dois jogo num fim de semana.
Se o atleta ao ser expulso no sabado, começa logo no domingo a cumprir castigo quer dizer que podemos inscrever os miudos todos nos seniores e começam a cumprir também?
Nunca utilizámos um atleta expulso na véspera. As regras aqui no futsal são iguais à do futebol de 11?
Convém esclarecer as pessoas. Ou há diferença entre um clube ser de Viseu ou de uma aldeia?

Parabéns aos campeões, mas convém esclarecer os regulamentos, porque não devia haver ricos e pobres.

jose disse...

Ó raul, é pá que chatice já estavas a comemorar, paciencia pró ano á mais e se não sabes as regras, vai ao site da afviseu lê os regulamentos e mastiga uns renies, ou tens tambem os kompensans, é só escolher...PARABENS aos JUVENIS pelo titulo de CAMPEÕES...

Raul disse...

Deve haver aqui alguma confusão. Mas tudo bem. Entendi o recado. Assim só me resta dizer que Portugal é maravilhoso.
Parabéns campeões.
Sabe bem em o ser.

Futebol Distrito de Viseu © 2008. Design by :Futebol Viseu Sponsored by: Futebol Viseu